O outro foi o chaveiro, esse chaveiro foi do violão de meu pai, que ele toca violão, ele é conhecido aqui na cidade porque toca violão e aí esse chaveiro ele me deu quando me deu o primeiro violão... Só que esse, meu violão, eu emprestei e o rapaz que tava com esse meu violão e perdeu isso aqui...

Isso aqui pra mim tinha o maior valor, pra ele que tava com o violão emprestado, ele não tava nem aí. Só que por acaso eu encontrei na rua! perto da casa dele e eu descobri que era o meu, então eu peguei de volta e não emprestei mais o violão a ele por causa disso aqui, ó!

Pronto, eu botei na chave pra não perder, porque toda vez que eu olho pra aqui eu me lembro do meu pai, eu lembro do violão que ele me deu e isso é importante pra mim...isso foi há...uns ...12 anos atrás!

< Compartilha essa lembrança >


Imagens


Gabinete imagem
Colectivo Infinitos Monos 2015 by Javier Cruz